Atenção!A página impressa é diferente da página exibida na tela do computador.
Precisando do nosso logo? Baixe-o em um dos seguintes formatos:
Vetorial (.svg)|Rasterizado em alta resolução (.jpg)|Ícone (.ico)
Obs.: não utilize nossa marca sem autorização.
Feito!
Erro!
Logo oeste capital topo.PNG
93,3 FMOuça ao vivo
Tocando agora: Daqui a pouco mais músicas na Oeste Capital!

Entrada aos poucos: Eutrópio mantém calma com reforços por “coerência“

VoltarVeja também
« Última» Primeira
ImprimirReportar erroTags:avião, atuou, passado, grupo, destacou, treinador, simplesmente e entraram329 palavras4 min. para ler
Entrada aos poucos: Eutrópio mantém calma com reforços por “coerência“
Ver imagem ampliada
Das contratações para o Brasileiro, apenas Bruno Silva defendeu as cores da Chapecoense, e técnico diz que eles vão ter que “conquistar“ espaço no time

Para o Campeonato Brasileiro, a Chapecoense apresentou quatro reforços depois do término do Catarinense. Em quatro partidas disputadas desde então, apenas o volante Bruno Silva entrou em campo com a camisa do Verdão do Oeste. O técnico Vinícius Eutrópio já relacionou a maioria dos contratados para as partidas, mas sem dar chance para jogar.

O atacante Edmilson foi relacionado nos quatro jogos. O meia Wagner passou a aparecer na lista de Eutrópio a partir da estreia no Brasileirão, contra o Coritiba. E seguiu viagem com a delegação para o Recife e Araraquara (SP). Dos jogadores que chegaram à Chape, apenas João Afonso ainda não foi relacionado.

Eutrópio explica os motivos da demora em mandar a campo os reforços. O comandante do Verdão do Oeste afirma que o processo tem que ser aos poucos, principalmente para conhecer bem os contratados. Além disso, precisa respeitar quem defendeu o time desde o início do ano. Como Bruno Silva atuou na Chape no ano passado, o volante entrou no time por já conhecer o grupo, destacou o treinador.

- Os jogadores que chegaram simplesmente entraram no avião (para Recife e Araraquara) e viajaram com a gente. A gente vai conhecer os jogadores, e eles vão ganhar o espaço deles. Eles precisam conquistar espaço. A gente conhece o Wagner, por exemplo. É muito bom. Pela coerência, a gente coloca aqueles que a gente conhece. E não é só a Chapecoense. Outros times também estão colocando os jogadores aos poucos. Nessa semana, a gente deve fazer um jogo-treino para colocar esses jogadores - comentou o técnico.

O clube verde e branco segue com três pontos no Campeonato Brasileiro. O próximo confronto é diante do Santos, na Arena Condá. O time terá a semana inteira de preparação, pois o duelo é no dia 24, domingo, às 16h, pela terceira rodada da competição nacional.

Fonte:globoesporte.com
Compartilhar página nas rede sociais:
CompartilharCompartilharTweetarCompartilharPin it

Últimos recados

Curta o nosso site!