Atenção!A página impressa é diferente da página exibida na tela do computador.
Item adicionado ao pedido! E agora?
Permanecer na página atualIr para o carrinho de compras
Precisando do nosso logo? Baixe-o em um dos seguintes formatos:
Vetorial (.svg)|Rasterizado em alta resolução (.jpg)|Ícone (.ico)
Obs.: não utilize nossa marca sem autorização.

Feito!
Erro!
Logo oeste capital topo.PNG
93,3 FMOuça ao vivo
Tocando agora: Daqui a pouco mais músicas na Oeste Capital!

Giuliano crê em retomada e cita jogo contra Corinthians: “Nossa nova cara“

VoltarVeja também
« Última» Primeira
ImprimirReportar erroTags:carvalho, evolução, minutos, modelo, giuliano, define, ainda e chegada310 palavras4 min. para ler
Giuliano crê em retomada e cita jogo contra Corinthians: “Nossa nova cara“
Ver imagem ampliada
Meia afirma que é preciso repetir a atuação na vitória por 3 a 1 sobre o Coritnhians já diante do líder Atlético-PR neste domingo, na Arena, pela 7ª rodada do Brasileirão


Se a vitória por 3 a 1 sobre o Corinthians, na Arena, surgiu de uma grande atuação coletiva, a derrota por 2 a 0 para o São Paulo se desenhou em uma noite apagada, de fraco desempenho do time, no Morumbi. A oscilação apresentada pelo Grêmio de Roger Machado nas duas últimas partidas do Brasileirão deixa dúvidas aos torcedores sobre que equipe encontrarão dentro de campo na sequência da temporada. Também repercute no vestiário, entre os jogadores, e os leva a fazer uma “autoanálise“ sobre o rendimento dentro de campo.

Há, inclusive, um consenso entre os gremistas, em meio às avaliações de vídeos e de lances das partidas. É preciso repetir o empenho e a pegada demonstrados no triunfo sobre o Timão, encaminhado logo nos primeiros instantes, com dois gols marcados em quatro minutos. Modelo que, segundo o meia Giuliano, define a “nova cara“ do Grêmio, ainda em evolução após a chegada do novo comandante.

- A gente faz a nossa autoanálise, olhamos vídeos e apontamos as coisas que a gente faz. Não podemos pensar que, porque fizemos um jogo ruim, está tudo acabado. Temos que pegar o resultado positivo e a sequência para nos basear como ponto de partida, como no jogo contra o Corinthians. É nossa nova cara. Nossa identidade. Não foi por acaso. O jogo anterior (empate em 1 a 1 com o Goiás) foi muito bom, apesar do resultado. Contra o Figueirense, com a equipe crescendo, a vitória não foi por acaso. Contra o São Paulo, não conseguimos marcar, mas é um adversário de qualidade. Temos que aceitar e entender que não vamos vencer todas as partidas - apontou o jogador, na entrevista coletiva após o treino desta terça-feira, no CT Luiz Carvalho.

Fonte:globoesporte.com
Compartilhar página nas rede sociais:
CompartilharCompartilharTweetarCompartilharPin it

Últimos recados

Curta o nosso site!